Fernando Bismarque é o novo Director da campanha eleitoral do MDM

INTEGRITY-MOÇAMBIQUE, 16 de maio de 2024-O Deputado e membro do Movimento Democrático de Moçambique (MDM), Fernando Bismarque é o novo Director da campanha eleitoral da 3ª maior força parlamentar do País. Bismarque que actualmente também desempenha ao nível da Assembleia da República (AR) a função de Porta-voz da Bancada, foi empossado ontem (15.05) pelo candidato e presidente do MDM, Lutero Simango.

Segundo consta numa breve nota informativa publicada na página oficial do MDM, o partido refere que foi “no âmbito da preparação dos pleitos eleitorais, que o Presidente do MDM, Lutero Simango, empossou no dia 15 de maio, Fernando Bismarque ao cargo de Director da Campanha Eleitoral para as eleições gerais, legislativas e provinciais de outubro de 2024.”

Lembre-se que recentemente Lutero Simango defendeu em Maputo que todos os membros do seu partido tinham a responsabilidade de elevar a sua candidatura, uma vez que levavam a vantagem de conhecerem a história de Moçambique. “Nós conhecemos o sofrimento do nosso povo. A outra vantagem que nós temos é que as nossas mãos estão limpas, elas não estão cobertas de sangue e muito menos do envolvimento na corrupção em Moçambique”, afirmou Simango.

Dirigindo-se aos membros do seu partido que se encontravam posicionados no Aeroporto Internacional de Maputo, aguardando pela sua chegada, Lutero Simango disse que “agora é o momento de trabalharmos. Agora é o momento de djimar. Se ontem andamos desencontrados. Se ontem tínhamos os nossos problemas é preciso esquecer e olhar para frente, porque olhar para trás não resolve os nossos problemas.”

O candidato do MDM defendeu que “unidos vamos vencer no dia 09 de outubro.” Em entrevista aos vários órgãos de comunicação social, Simango exortou aos funcionários públicos, aos membros das defesa e segurança, combatentes da luta de libertação nacional, da luta pela democracia e a juventude moçambicana que se juntassem ao seu projecto, porque este é o momento da mudança governativa em Moçambique.

Lutero Simango afirmou que o MDM é defensor da democracia e que havia chegado ao momento de acabar com a segregação social e económica dos moçambicanos, onde existem os 1ª, 2ª e 3ª, e só com as mudanças é que será possível efectuar as reformas necessárias que permitirão garantir um bem-estar da população moçambicana. (INTEGRITY)

 

Exit mobile version