Líderes religiosos na cidade de Maputo defendem que Daniel Chapo é o “candidato de todos”

O candidato da Frelimo, Daniel Francisco Chapo, manteve há dias um encontro com os diferentes líderes das confissões religiosas baseadas na Cidade de Maputo, capital do País. O encontro tinha como objectivo agradecer as organizações religiosas pelas orações à Frelimo e pedir bênção para o desafio que se aproxima.

Na ocasião, os representantes das diversas confissões religiosas saudaram o Candidato da Frelimo, Daniel Francisco Chapo a quem apelidaram de “candidato de todos”. Um candidato indicado por Deus para dirigir o povo. Pediram a Deus que abençoe o Candidato da Frelimo e ofereceram uma Bíblia Electrónica que aconselharam a usar durante todo seu percurso. As igrejas manifestaram disponibilidade para cooperar com o governo. Destacaram a necessidade de colaboração na assistência social aos idosos. Com maior destaque aos linchamentos por acusações de feitiçaria.

Usando da palavra, o Primeiro Secretário do Comité da Cidade de Maputo, António Niquice disse na ocasião, que era uma honra para o Partido Frelimo a nível da capital, receber o candidato. Referiu ainda que o Candidato da Frelimo, Daniel Francisco Chapo solicitou o encontro com religiosos para agradecer pelas orações e felicitações que tem estado a receber por este grupo relevante, bem como pedir conselhos para seguir a sua missão.

Por seu turno, o Chefe da Brigada Central de Assistência e Apoio à Cidade de Maputo e Membro da Comissão Política, Francisco Mucanheia, saudou a disponibilidade dos religiosos que tempestivamente aceitaram o encontro com o candidato. Informou que a escolha da Frelimo no Daniel Chapo baseou-se na longa experiência na governação e militância partidária. Seu trabalho nas comunidades deixou marcas indeléveis, segundo disse. Referiu ainda que o partido Frelimo tem plena certeza que Deus escolheu o melhor líder para os moçambicanos. Um líder íntegro e trabalhador. Disse estar feliz pela presença dos líderes religiosos que mostra a força de Deus para que o futuro presidente Daniel Chapo possa dirigir o País com foco no salto positivo da economia e da sociedade sem nenhum tipo de discriminação. Este é o candidato ideal e o melhor presidente que Moçambique precisa neste contexto, concluiu.

O Candidato da Frelimo, Daniel Francisco Chapo, agradeceu aos religiosos pela presença e que apesar da agenda era oportuno se reunir com os religiosos. Explicou a escolha de Quelimane para apresentação do candidato, que se baseou no facto do partido Frelimo ter feito a apresentação dos cabeças de lista das últimas eleições autárquicas em Nampula e ter aberto a última campanha na Cidade da Beira em Sofala.

Recordou ainda que durante a sua apresentação em Quelimane, o Presidente Filipe Nyusi anunciou que ele já estava solto para voar, isto é, começar a trabalhar e ter encontros com diversos segmentos da sociedade. Neste âmbito decidiu em coordenação com o Comité da Cidade de Maputo, reunir com os religiosos para agradecer e pedir conselhos, pois tanto ele como o partido Frelimo estão cientes do papel da igreja na construção do país bem como das orações feitas durante os três dias em que decorreu a sessão. Explicou que não foi possível seguir a tradição de apresentação do candidato depois da eleição, devido a agenda presidencial do Chefe de Estado.

O Candidato da Frelimo, Daniel Francisco Chapo referiu que recebeu muitas mensagens de felicitação de diversos segmentos da sociedade e neste momento está a responder a cada uma das mensagens, e o encontro com os religiosos fazia parte da consolidação da plataforma de agradecimentos. Agradeceu aos líderes religiosos pelas mensagens fortes que tem recebido, por isso, achou que antes de sair de Maputo para outros pontos do país e do mundo, devia agradecer às lideranças religiosas que através de várias orações, jejum e intercederam e oraram a Deus para que a sessão extraordinária do Comité Central corresse a contento.

Exit mobile version