Naufrágio mata membros da mesma família em Caia

Oito pessoas morreram e duas estão desaparecidas como resultado de um naufrágio registado, na segunda-feira no distrito de Caia, em Sofala.

O incidente ocorreu num dos afluentes do rio Zambeze, quando a canoa em que as vítimas seguiam naufragou.

A embarcação tinha doze ocupantes, todos da mesma família, dos quais dois sobreviveram. A superlotação da canoa é apontada como a provável causa da tragédia.

O administrador do distrito de Caia, Nobre dos Santos, disse que depois de ter sido dado o alerta do naufrágio, iniciaram-se logo as buscas pelos desaparecidos.

Os primeiros dados oficiais apontam para o excesso de peso. Os sobreviventes contaram às autoridades que viram água a entrar na canoa e todo o esforço para retirar a mesma não resultou e a embarcação artesanal acabou naufragando.

Desde que ocorreu o naufrágio, uma equipa multissetorial, liderada por membros da Marinha de Guerra, estão a tentar localizar os desaparecidos. As buscas foram interrompidas no princípio da noite e retomaram na manhã desta terça-feira, segundo o administrador do distrito de Caia, Nobre dos Santos. (RM/JP)

 

Exit mobile version